Qual o seu Propósito?

Você tem bem definido o seu propósito? Muito se fala em propósito de vida, hoje você encontra livros sobre isso e observo que por mais que tenha muito conteúdo sobre o assunto, ainda há muitas dúvidas.

Antes de tudo, a primeira questão a ser respondida é: O que é propósito de vida?

Alguns falam que é o motivo pelo qual você acorda todas as manhãs e que por meio dele, fica claro o motivo da sua existência e a diferença que isso faz para as pessoas.

Dizem que o conceito está relacionado com o Ikigai, uma palavra de origem japonesa que quer dizer “razão para viver”.

Pelo Ikigai, o propósito é o resultado da combinação do que se ama fazer com o que o mundo precisa, pelo que você pode ser pago e no que você é bom.

Eu acredito que trazendo para a prática, o seu propósito de vida nada mais é do que a sua atividade profissional.

Se você olhar para sua vida, vai ver que ela gira em torno do seu trabalho. Ele praticamente é o centro da sua vida. É dele que vai depender a sua qualidade de vida, sua saúde, a educação que seus filhos terão, com quem você vai se relacionar, eu nível de satisfação e inclusive o sentido da sua vida.

Então, definir um propósito de vida é escolher qual é o trabalho que você irá executar ao longo da sua vida. Desenvolver o propósito é desenvolver esse trabalho – não no sentido de fazer, mas de se desenvolver para poder executá-lo com maestria. E a sua missão de vida é a contribuição que você fará através dele. Simples assim.

Criar um propósito é responder uma pergunta muito simples e pessoal:

A que atividade profissional eu quero dedicar minha vida? Em que carreira me especializar, dominar com maestria e desempenhar? Estou fazendo isso agora? Se não, posso mudar isso? Eu escolhi essa atividade por livre e espontânea vontade ou baseada na opinião de outras pessoas?

Esqueça todas as coisas conceituais que as pessoas criam e se foque nisso: o que você irá fazer? Como irá fazê-lo? (o nível de competência ou maestria) e qual contribuição você vai dar com o que escolheu fazer?

Depois, dedique-se a ela incansavelmente todos os dias da sua vida. A receita é dedicar-se por mínimo dois ou três anos na atividade que escolheu, ganhe perícia e técnica. O estudo e a prática leva a maestria. Entenda o seu funcionamento, saiba como funciona tal ofício de trás para frente. Isso serve para qualquer tipo de trabalho! Esqueça um pouco os resultados que quer e se foque na ação no momento presente. Os resultados sempre irão aparecer depois de você ter feito a sua parte.

E lembre-se: o propósito tem tudo a ver com como você vai servir a humanidade. Parece clichê, mas a realidade é que qualquer trabalho que exerça vai estar ligado as pessoas. Você servirá aos outros direta ou indiretamente através do seu trabalho.

Por exemplo;

Você gosta de vender, descobriu que esse é um ponto forte seu. Então você decide de modo consciente que irá vender imóveis e que essa será a atividade profissional na qual você vai se dedicar, vai desenvolver suas habilidades, saber como funciona, se especializar nisso. E a sua missão de vida será ajudar as pessoas a realizarem seus sonhos ou objetivos encontrando o imóvel ideal para cada uma delas.

Resumindo:

Talento: vender

Propósito: vender imóveis

Missão: você irá definir qual será a sua contribuição para as pessoas ao vender imóveis

Objetivos e metas: você irá definir quais os seus objetivos e metas para seu trabalho e vida pessoal.

Outro exemplo:

Propósito: ser astronauta

Missão: desvendar os mistérios do espaço/universo.

Espero que tenha ajudado a esclarecer suas dúvidas quanto ao seu propósito e missão de vida.

E se você quer ir mais a fundo e aprender sobre todos os pontos que não podem ser ignorados na hora de definir o seu propósito e construir uma carreira bem-sucedida, o Método Wookye é para você.

Visite nosso site e conheça o Método Wookye. metodowookye.com.br  

Gostou do assunto? Aproveite e deixe o seu comentário.

Quer receber os conteúdos do Método Wookye em primeira mão? Entre para o nosso canal no Telegram e siga-nos nas redes sociais.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *